08.05.2017

Justiça decide pela reintegração de funcionária do Bradesco

O FFA – Ferrareze & Freitas Advogadoss de Salvador garantiu a reintegração de bancária do Bradesco, demitida apesar da estabilidade em virtude de doença ocupacional. A decisão se deu por meio de liminar deferida pela 4ª Vara do Trabalho de Aracaju/SE. Ainda que demonstrado no exame médico que a trabalhadora estava inapta para a demissão, o banco não reviu seu ato, o que fez com que o FFA pedisse a reconsideração do caso.

“Trata-se de excelente decisão, tendo sido determinada a imediata reintegração da empregada ao trabalho, nas mesmas condições outrora auferidas, inclusive na mesma agência e com o pagamento das vantagens oriundas do contrato de emprego, além do restabelecimento integral do mesmo plano de saúde”, explica a Dra. Júlia Omuro, do FFA Advogados.

Conforme a advogada foi fundamental na decisão o pedido de reconsideração do caso por parte do FFA – Ferrareze & Freitas Advogados, visto que, inicialmente, o pedido liminar não foi deferido. Também ficou estabelecida multa em caso de descumprimento da decisão pelo banco.

 


TOPO